MUZAMBINHO – Reformas na Escola Cesário Coimbra em 2022 podem superar R$ 1 milhão

Diretora Elisabeth Olinda da Silva Martins relatou o trabalho já desenvolvido, valorizou a equipe de professores e servidores, além de ter detalhado as obras de reforma da escola

 

A centenária Escola Estadual Cesário Coimbra, em Muzambinho, é referência positiva dentro da Superintendência Regional de Ensino de Poços de Caldas. É grande expectativa pelo ano letivo de 2022 a partir do mês de fevereiro, principalmente considerando o otimismo com o fim da pandemia da COVID-19. Ao mesmo tempo, a direção também vive o entusiasmo com a previsão da realização de importantes obras de reforma.

 

 “O magistério é uma questão de amor, de poder transformar e fazer algo por alguém. Principalmente na escola pública, fazer alguma coisa por aqueles que mais precisam”, definiu a diretora a sua missão profissional. Para ela, não se trata apenas de contribuir para a formação profissional do aluno, mas exatamente a formação cidadã. Elisabeth atua há 14 anos no magistério, sendo que metade deste período na Escola Estadual Pedro da Saturnino de Magalhães, no município de Cabo Verde.

 

A diretora assumiu o comando da tradicional escola muzambinhense ainda no ano de 2020. No início, reconheceu o grande desafio, considerando a história centenária da escola, referência na área da Superintendência Regional de Ensino. Porém, assumiu com tranquilidade devido ao excelente quadro de professores da escola, bem como o apoio da vice-diretora Profa. Zoraid e supervisora Lucrécia Santini e Jaqueline da Silva, além da equipe técnica da Secretaria. Neste contexto, defende uma gestão democrática, considerando justamente a equipe como o grande diferencial positivo da escola. Atualmente, a Cesário Coimbra conta com 36 professores, 14 servidores e atende 670 alunos nos turnos da manhã (8ºs e 9ºs anos) e tarde (6ºs e 7ºs anos).

 

OS DESAFIOS DA PANDEMIA

Elisabeth observou os desafios impostos pela pandemia da COVID-19. Até porque os profissionais não estavam preparados e nem treinados para a nova realidade, a exemplo de todos os segmentos da sociedade. Assim, foi necessária uma adaptação, com cada um ajudando o outro, com as condições existentes no momento. O aprendizado foi gradativo, inclusive com o auxílio dos alunos na parte tecnológica. Neste ano, foi implantado o sistema da aula on line através do aplicativo Google Meet, mesmo não sendo uma questão obrigatória. Porém, todos os professores da Cesário Coimbra se adaptaram ao sistema, demonstrando profissionalismo e grande boa vontade. Aos alunos que não tinham acesso à Internet, a escola permaneceu aberta e disponibilizou as apostilas impressas. Muitos professores chegaram a levar as apostilas nas casas dos alunos, contando com a ajuda da prefeitura, Polícia Militar e Conselho Tutelar.

 

A diretora acredita que, apesar de todos os limites impostos pela pandemia, foi possível desenvolver um bom trabalho. Todos, professores e alunos, aprenderam muito juntos. Principalmente, quanto ao uso das tecnologias. Hoje, todas as salas da Escola Cesário Coimbra são equipadas com TV, com Data Show ou com cabo HDMI para ligar um Data Show. Assim, os professores podem fazer uso do equipamento para incrementar as aulas on line e presenciais.

 

As aulas presenciais retornaram no mês de outubro, com obediência aos protocolos de segurança sanitária. A diretora lembra que foram implementados seis protocolos sanitários, situação que dificultou bastante o trabalho. Mesmo assim, foi possível desenvolver um bom trabalho, atraindo os alunos para a escola.

 

ANO LETIVO DE 2022

Direção e equipe técnica da escola trabalham para o início do ano letivo de 2022. Os pais e/ou responsáveis pelos alunos ingressantes no 6º ano devem comparecer na escola até o dia 10/01/2022, das 8 às 17 horas, com a documentação necessária, para confirmar as matrículas. A diretora explica que os pais fizeram um cadastro e o aluno é puxado por zoneamento. Ou seja, atraindo os alunos mais próximos à escola. No final, saindo o resultado, o pai ou responsável deve ir até a escola para confirmar a matrícula, sob o risco de o aluno perder a vaga. No momento, a preocupação é grande porque a procura está em nível baixo. Portanto, fica o alerta para os pais tomarem esta providência o mais rápido possível.

 

O planejamento escolar tem início no primeiro dia útil de fevereiro, com as aulas previstas para serem retomadas no dia 07 de fevereiro. A diretora manifestou todo otimismo para o retorno, considerando o fim da pandemia, implementação tecnológica, turma com aulas integrais na escola e outras situações favoráveis.

 

OBRAS DE REFORMA

A diretora Elisabeth finalizou anunciando que no mês de janeiro será realizado um processo licitatório para a contratação de empresa visando a execução de reforma no chamado “prédio dois ou amarelo”, aos fundos da escola. O projeto prevê obras de adequação nos banheiros, laboratório de informática, construção da biblioteca, sala dos professores e ampliação da cozinha. O investimento será de R$ 611 mil para reforma e R$ 84 mil para a construção da biblioteca. Os recursos são oriundos do governo estadual, sendo que a diretora destacou o grande empenho do jovem Otávio Goulart, assessor do deputado estadual Antônio Carlos Arantes, na viabilização e liberação dos recursos.

 

Elisabeth citou ainda a possibilidade de obras na quadra esportiva da escola. O próprio deputado Arantes já anunciou que recursos da ordem de R$ 500 mil serão liberados para a obra. O projeto prevê a construção de um auditório, com palco, vestiários e reformulação da quadra.

 

AMAURI JR NEWS

Notícias à toda hora!

Anuncie: (35) 9.9806.5664

 

Fotos:

Amauri Júnior

Compartilhe essa notícia!

Facebook
WhatsApp
Telegram
Imprimir
plugins premium WordPress