PIX revoluciona pagamentos e impulsiona economia digital

As instituições financeiras em todo o Brasil encerraram as transferências via DOC e TEC, citando uma diminuição no volume de transações.

 

Anteriormente, tanto pessoas físicas quanto jurídicas podiam efetuar transferências de até R$ 4.999,99 através do DOC, com tempo de processamento de um dia, ou optar pela TEC, que era concluída até o fim do dia da ordem.

 

No entanto, essas modalidades de pagamento têm perdido espaço desde o lançamento do PIX em novembro de 2020. De acordo com a Febraban, com base em dados do Bacen, o PIX realizou 17,6 bilhões de transações, superando significativamente outras formas de pagamento, tornando-se a preferência de 158 milhões de brasileiros. Além da facilidade e da movimentação eficiente de recursos, o PIX oferece disponibilidade instantânea de recursos, o que tem impulsionado sua popularidade entre pessoas físicas e jurídicas.

 

Essa tecnologia, que inicialmente foi bem recebida para transferências entre indivíduos, tem agora ganhado espaço também no meio empresarial, representando 36% do total de operações em dezembro de 2023, em comparação com 24% no ano anterior, de acordo com dados do Bacen.

 

O PIX está revolucionando os meios de pagamento e impulsionando a economia digital de forma significativa.

 

Fonte: fecomercio.com.br

 

AMAURI JR NEWS

Notícias à toda hora!

Email: amaurijunioruela@gmail.com

Site: www.amaurijrnews.com.br

Facebook: Amauri Júnior

Instagram: amauri_juniormg

Tik Tok: amaurijunior_news

Grupos de WhatsApp

Anuncie: (35) 9.9806.5664

Compartilhe essa notícia!

Facebook
WhatsApp
Telegram
Imprimir
plugins premium WordPress